segunda-feira, novembro 26, 2007

Beowulf, Atonement e sangria

Mais um fim-de-semana pra cinéfilo nenhum botar defeito! Sessão dupla de cinema no sábado: Beowulf (filme em 3D com roteiro de Neil Gaiman absolutamente imperdível, uma experiência e tanto na sala escura) e Atonement (baseado no romance de Ian McEwan, um de meus autores favoritos da atualidade). Domingo aproveitamos o dia de chuva pra ficarmos em casa e assistirmos mais 3 filmes: o holandês Alles is Liefde (o filme de Natal aqui na Holanda e comentado por toda parte mas que não achamos grande coisa...podem nos chamar de esnobes à vontade), o primeiro Lord of the Rings (curioso como Beowulf nos deu uma súbita vontade de rever a trilogia do Anel, sem querer desmerecer o primeiro, claro). E um clássico de science fiction existencial dos anos 70: Soylent Green (1973). F. adora ficção científica de boa qualidade (estou falando daqueles filmes que fazem a gente pensar e não apenas filmes com espadas de laser e efeitos especiais), a começar por Star Trek..Eu que nunca fã deste gênero de cinema (prefiro um bom drama, de preferência cinema europeu), acabei descobrindo muita coisa interessante com ele que normalmente não teria assistido.

Ah, e a sangria do título do post foi a que tomamos no Y Mucho Más, acompanhada de muitos tapas tradicionais (como os deliciosos calamares). Sim, o fim-de-semana foi muito bom, obrigada!

5 comentários:

Annix disse...

Putz, Beowulf eu não assisto nem a pau. Odeio essa técnica de CG em cima de atores, é muito tosco. Sem contar que a história de Beowulf merecia coisa melhor...pelo menos no nível de LOTR. Nem o meu amado Neil Gaiman salva.
Alles is liefde é cópia do Love Actually. Nunca vi tanta gente feia num filme só (e por isso mesmo não vou assistir, ha!)
Atonement é exatamente o tipo de filme de que estou cansada! Fotografia cuidadosa, ingleses, drama, etc. Também não vou ver nem arrastada.

Agora, Soylent Green é um clássico e eu ADORO! Soylent Green is people!

Eu penso que... disse...

Fecho com a Annix.
Este tipo de filme também não faz minha cabeça.
Não consegui terminar de ver nem o primeiro filme da "saga" do Senhor dos Anéis.
Acho que foi trauma de infância de um desenho que vi e achei HORRÍVEL!!!
Mas, fico feliz que seu fim de semana tenha sido um sucesso.
Bjos.
:D

Anônimo disse...

Beowolf is quite simply the most beautiful movie ever made!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Inderdaad prachtig!!!!

Arnild disse...

Cadê a Beth, gente???

Tecnologia do Blogger.

Beowulf, Atonement e sangria

Mais um fim-de-semana pra cinéfilo nenhum botar defeito! Sessão dupla de cinema no sábado: Beowulf (filme em 3D com roteiro de Neil Gaiman absolutamente imperdível, uma experiência e tanto na sala escura) e Atonement (baseado no romance de Ian McEwan, um de meus autores favoritos da atualidade). Domingo aproveitamos o dia de chuva pra ficarmos em casa e assistirmos mais 3 filmes: o holandês Alles is Liefde (o filme de Natal aqui na Holanda e comentado por toda parte mas que não achamos grande coisa...podem nos chamar de esnobes à vontade), o primeiro Lord of the Rings (curioso como Beowulf nos deu uma súbita vontade de rever a trilogia do Anel, sem querer desmerecer o primeiro, claro). E um clássico de science fiction existencial dos anos 70: Soylent Green (1973). F. adora ficção científica de boa qualidade (estou falando daqueles filmes que fazem a gente pensar e não apenas filmes com espadas de laser e efeitos especiais), a começar por Star Trek..Eu que nunca fã deste gênero de cinema (prefiro um bom drama, de preferência cinema europeu), acabei descobrindo muita coisa interessante com ele que normalmente não teria assistido.

Ah, e a sangria do título do post foi a que tomamos no Y Mucho Más, acompanhada de muitos tapas tradicionais (como os deliciosos calamares). Sim, o fim-de-semana foi muito bom, obrigada!

5 comentários:

Annix disse...

Putz, Beowulf eu não assisto nem a pau. Odeio essa técnica de CG em cima de atores, é muito tosco. Sem contar que a história de Beowulf merecia coisa melhor...pelo menos no nível de LOTR. Nem o meu amado Neil Gaiman salva.
Alles is liefde é cópia do Love Actually. Nunca vi tanta gente feia num filme só (e por isso mesmo não vou assistir, ha!)
Atonement é exatamente o tipo de filme de que estou cansada! Fotografia cuidadosa, ingleses, drama, etc. Também não vou ver nem arrastada.

Agora, Soylent Green é um clássico e eu ADORO! Soylent Green is people!

Eu penso que... disse...

Fecho com a Annix.
Este tipo de filme também não faz minha cabeça.
Não consegui terminar de ver nem o primeiro filme da "saga" do Senhor dos Anéis.
Acho que foi trauma de infância de um desenho que vi e achei HORRÍVEL!!!
Mas, fico feliz que seu fim de semana tenha sido um sucesso.
Bjos.
:D

Anônimo disse...

Beowolf is quite simply the most beautiful movie ever made!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Inderdaad prachtig!!!!

Arnild disse...

Cadê a Beth, gente???