quinta-feira, fevereiro 28, 2008

Madurodam



Esta semana é férias escolares aqui na Holanda e tenho andado pra lá e pra cá feito barata tonta com meu filho - só quem tem criança em casa pra saber a correria que a vida da gente se transforma quando essas crianças entram de férias (eles entram de férias e a gente trabalha dobrado). Então, antes que eu me esqueça, queria dizer que fim-de-semana passado fomos eu, Liam e F. visitar Madurodam, em Haia.

Eu já tinha estado lá duas vezes com o Liam mas ele adora e então prometi que iríamos com o F. um dia desses. E como promessa é dívida (ainda mais se tratando de crianças, vejam bem), lá fomos nós! Liam é acima de tudo apaixonado pelos trens miniatura que circulam pelo parque. Sem falar na miniatura do aeroporto Schiphol, com aviões circulando pelas pistas (só falta voarem de verdade, rsrsrrs). E eu adoro rever aquelas casinhas que mais se parecem com casas de boneca (as da foto acima são réplicas de Amsterdã). O parque é composto de réplicas de pontos turísticos e destaques arquitetônicos das principais cidades holandesas. Entre eles: Mauritshuis (Haia), Praça Dam e Rijksmuseum (Amsterdã), Schiphol, Euromast (Roterdã), a bela e imponente Mariakerk em Utrecht, etc.

Fica mais uma dica de programa - recomendado especialmente para quem visita a Holanda com crianças a tiracolo!

4 comentários:

Anônimo disse...

Volgens mij heb jij die foto niet zelf gemaakt! ;-)

Enne... waarom geen stukje blog (met eigen foto's) over Liam de stoere scheepskapitein?

F.

Paloma disse...

Fica a dica para quando eu for à Holanda que, aliás, tenho enorme vontade de conhecer. E adoro miniaturas também...
Beijos!

Germano V. Xavier disse...

Olá!

Passei por aqui...
Gostei do blog!

Abraços pernambucanbaianos...

Xavier
www.clubedecarteado.blogspot.com

Anônimo disse...

O Captain! my Captain! our fearful trip is done;
The ship has weather’d every rack, the prize we sought is won;
The port is near, the bells I hear, the people all exulting,
While follow eyes the steady keel, the vessel grim and daring:

But O heart! heart! heart!
O the bleeding drops of red,
Where on the deck my Captain lies,
Fallen cold and dead.

O Captain! my Captain! rise up and hear the bells;
Rise up—for you the flag is flung—for you the bugle trills;
For you bouquets and ribbon’d wreaths—for you the shores a-crowding;

For you they call, the swaying mass, their eager faces turning;
Here Captain! dear father!
This arm beneath your head;
It is some dream that on the deck,
You’ve fallen cold and dead.

My Captain does not answer, his lips are pale and still;
My father does not feel my arm, he has no pulse nor will;
The ship is anchor’d safe and sound, its voyage closed and done;
From fearful trip, the victor ship, comes in with object won;
Exult, O shores, and ring, O bells!

But I, with mournful tread,
Walk the deck my Captain lies,
Fallen cold and dead.

Walt Whitman

Tecnologia do Blogger.

Madurodam



Esta semana é férias escolares aqui na Holanda e tenho andado pra lá e pra cá feito barata tonta com meu filho - só quem tem criança em casa pra saber a correria que a vida da gente se transforma quando essas crianças entram de férias (eles entram de férias e a gente trabalha dobrado). Então, antes que eu me esqueça, queria dizer que fim-de-semana passado fomos eu, Liam e F. visitar Madurodam, em Haia.

Eu já tinha estado lá duas vezes com o Liam mas ele adora e então prometi que iríamos com o F. um dia desses. E como promessa é dívida (ainda mais se tratando de crianças, vejam bem), lá fomos nós! Liam é acima de tudo apaixonado pelos trens miniatura que circulam pelo parque. Sem falar na miniatura do aeroporto Schiphol, com aviões circulando pelas pistas (só falta voarem de verdade, rsrsrrs). E eu adoro rever aquelas casinhas que mais se parecem com casas de boneca (as da foto acima são réplicas de Amsterdã). O parque é composto de réplicas de pontos turísticos e destaques arquitetônicos das principais cidades holandesas. Entre eles: Mauritshuis (Haia), Praça Dam e Rijksmuseum (Amsterdã), Schiphol, Euromast (Roterdã), a bela e imponente Mariakerk em Utrecht, etc.

Fica mais uma dica de programa - recomendado especialmente para quem visita a Holanda com crianças a tiracolo!

4 comentários:

Anônimo disse...

Volgens mij heb jij die foto niet zelf gemaakt! ;-)

Enne... waarom geen stukje blog (met eigen foto's) over Liam de stoere scheepskapitein?

F.

Paloma disse...

Fica a dica para quando eu for à Holanda que, aliás, tenho enorme vontade de conhecer. E adoro miniaturas também...
Beijos!

Germano V. Xavier disse...

Olá!

Passei por aqui...
Gostei do blog!

Abraços pernambucanbaianos...

Xavier
www.clubedecarteado.blogspot.com

Anônimo disse...

O Captain! my Captain! our fearful trip is done;
The ship has weather’d every rack, the prize we sought is won;
The port is near, the bells I hear, the people all exulting,
While follow eyes the steady keel, the vessel grim and daring:

But O heart! heart! heart!
O the bleeding drops of red,
Where on the deck my Captain lies,
Fallen cold and dead.

O Captain! my Captain! rise up and hear the bells;
Rise up—for you the flag is flung—for you the bugle trills;
For you bouquets and ribbon’d wreaths—for you the shores a-crowding;

For you they call, the swaying mass, their eager faces turning;
Here Captain! dear father!
This arm beneath your head;
It is some dream that on the deck,
You’ve fallen cold and dead.

My Captain does not answer, his lips are pale and still;
My father does not feel my arm, he has no pulse nor will;
The ship is anchor’d safe and sound, its voyage closed and done;
From fearful trip, the victor ship, comes in with object won;
Exult, O shores, and ring, O bells!

But I, with mournful tread,
Walk the deck my Captain lies,
Fallen cold and dead.

Walt Whitman