sexta-feira, abril 24, 2009

Tá difícil...

Desde novembro engordei uns 4 kgs e não está nada fácil porque no momento não posso fazer nenhuma atividade física - a não ser caminhar (e isso com moderação). Nadar só a partir de final de maio. E eu confesso que estou morrendo de tédio em casa, ansiosa pra vida voltar ao normal e pra eu poder curtir a primavera lá fora. E sim, acabo comendo mais do que deveria. O meu problema é que tenho o mau hábito de comer quando estou entediada, quando estou triste, quando estou ansiosa, e por ai vai...Deu pra sacar o drama, né?

Então a verdade é que a operação correu bem, estou me recuperando rapidamente mas a (maldita) hérnia atrapalhou, e em muito, meus planos. Eu estava indo muito bem no ano passado, tinha perdido quase 12kgs quando os problemas de coluna começaram e tive de parar tudo. Chato demais! Mas não quero nem posso desistir. Dois passos pra frente, um pra trás e a gente segue como pode.

Ao menos tenho tido tempo suficiente pra elaborar meu plano B. Mês que vem vou começar a frequentar as sessões dos Vigilantes do Peso aqui do meu bairro. Só não comecei porque tenho de ir de ônibus e não posso pegar ônibus ainda...saco, viu!!! E assim que for oficialmente liberada, volto a nadar no mínimo 2x semana. Porque é tudo um círculo vicioso: quando eu nado, eu me sinto melhor e como alimentos mais saudáveis. Então pra eu emagrecer só a famosa combinação de dieta e esportes (no meu caso, natação). Que provavelmente é mesmo a única combinação que funciona!

Surtada, eu? Cansada de ser gorda, isso sim. Mas eu prometi a mim mesma que não vou deixar a peteca cair desta vez. E juro que volto daqui a uns meses pra dizer que perdi mais 10 kgs. Então ficamos combinados!



PS. A foto descreve bem como me sinto: P da vida.
PS2: Tava tão P da vida que consegui escrever sessões errado!!! Erro devidamente corrigido, caros leitores. :-)

5 comentários:

Alice disse...

Também fico P da vida!!!
Estou há 2 meses no Vigilantes. Dou a maior força.

Larinha disse...

Florzinha... agora é hora de descansar... ficar 100% pra retomar de onde parou. Nada impede que você já comece o VP antes da reunião, né? Os livrinhos já estão lá, é só começar. Aproveita que tu é do scrap e faz um caderno bemmmm lindo pra anotações diárias dos pontos e das pesagens/medidas!
Jajá ocê tá de volta lindona no maiô! =c)

Beijos e cuide-se!

Lilly disse...

Sabe, depois da minha segunda filha eu engordei e não consegui mais emagrecer. Uns 12 a 13 kg acima do meu peso normal (eu sou baixinha então fiquei bem redondinha). Só que o sobrepeso causou uma consequência em mim. Descobri uma tendência adormecida a diabetes. Por causa do medo de ficar doente, cortei os doces e reduzi ao mínimo a farinha branca. E com isso voltei ao corpo de antigamente. Rejuvenesci 10 anos. Isso faz quase 1 ano. O que quero dizer é que infelizmente qdo a gente tem medo a gente se controla... bjs e fique tranquila, tudo vai se acertar.

Cris A. disse...

Concordo com a Larinha! O importante é se recuperar da cirurgia primeiro, o que não deve demorar muito, e depois retomar a vida de antes. Mas eu entendo completamente: nas minhas férias, eu estou sempre devorando um pacote de bolacha porque estou com tédio. :/ Sedentarismo é um saco.

E pega leve! ;)

Andrea Drewanz disse...

Beth, querida.
Não sabia que vc tinha operado... mas que bom que tudo transcorreu bem!
Estou de acordo com a Larinha e a Cris, é melhor deixar pra depois esta estória de perder peso. Se preocupe primeiro com a sua plena recuperação.
Bjks

Tecnologia do Blogger.

Tá difícil...

Desde novembro engordei uns 4 kgs e não está nada fácil porque no momento não posso fazer nenhuma atividade física - a não ser caminhar (e isso com moderação). Nadar só a partir de final de maio. E eu confesso que estou morrendo de tédio em casa, ansiosa pra vida voltar ao normal e pra eu poder curtir a primavera lá fora. E sim, acabo comendo mais do que deveria. O meu problema é que tenho o mau hábito de comer quando estou entediada, quando estou triste, quando estou ansiosa, e por ai vai...Deu pra sacar o drama, né?

Então a verdade é que a operação correu bem, estou me recuperando rapidamente mas a (maldita) hérnia atrapalhou, e em muito, meus planos. Eu estava indo muito bem no ano passado, tinha perdido quase 12kgs quando os problemas de coluna começaram e tive de parar tudo. Chato demais! Mas não quero nem posso desistir. Dois passos pra frente, um pra trás e a gente segue como pode.

Ao menos tenho tido tempo suficiente pra elaborar meu plano B. Mês que vem vou começar a frequentar as sessões dos Vigilantes do Peso aqui do meu bairro. Só não comecei porque tenho de ir de ônibus e não posso pegar ônibus ainda...saco, viu!!! E assim que for oficialmente liberada, volto a nadar no mínimo 2x semana. Porque é tudo um círculo vicioso: quando eu nado, eu me sinto melhor e como alimentos mais saudáveis. Então pra eu emagrecer só a famosa combinação de dieta e esportes (no meu caso, natação). Que provavelmente é mesmo a única combinação que funciona!

Surtada, eu? Cansada de ser gorda, isso sim. Mas eu prometi a mim mesma que não vou deixar a peteca cair desta vez. E juro que volto daqui a uns meses pra dizer que perdi mais 10 kgs. Então ficamos combinados!



PS. A foto descreve bem como me sinto: P da vida.
PS2: Tava tão P da vida que consegui escrever sessões errado!!! Erro devidamente corrigido, caros leitores. :-)

5 comentários:

Alice disse...

Também fico P da vida!!!
Estou há 2 meses no Vigilantes. Dou a maior força.

Larinha disse...

Florzinha... agora é hora de descansar... ficar 100% pra retomar de onde parou. Nada impede que você já comece o VP antes da reunião, né? Os livrinhos já estão lá, é só começar. Aproveita que tu é do scrap e faz um caderno bemmmm lindo pra anotações diárias dos pontos e das pesagens/medidas!
Jajá ocê tá de volta lindona no maiô! =c)

Beijos e cuide-se!

Lilly disse...

Sabe, depois da minha segunda filha eu engordei e não consegui mais emagrecer. Uns 12 a 13 kg acima do meu peso normal (eu sou baixinha então fiquei bem redondinha). Só que o sobrepeso causou uma consequência em mim. Descobri uma tendência adormecida a diabetes. Por causa do medo de ficar doente, cortei os doces e reduzi ao mínimo a farinha branca. E com isso voltei ao corpo de antigamente. Rejuvenesci 10 anos. Isso faz quase 1 ano. O que quero dizer é que infelizmente qdo a gente tem medo a gente se controla... bjs e fique tranquila, tudo vai se acertar.

Cris A. disse...

Concordo com a Larinha! O importante é se recuperar da cirurgia primeiro, o que não deve demorar muito, e depois retomar a vida de antes. Mas eu entendo completamente: nas minhas férias, eu estou sempre devorando um pacote de bolacha porque estou com tédio. :/ Sedentarismo é um saco.

E pega leve! ;)

Andrea Drewanz disse...

Beth, querida.
Não sabia que vc tinha operado... mas que bom que tudo transcorreu bem!
Estou de acordo com a Larinha e a Cris, é melhor deixar pra depois esta estória de perder peso. Se preocupe primeiro com a sua plena recuperação.
Bjks