quinta-feira, junho 07, 2007

Everything but the Girl !

Sessão nostalgia, fui mexer em uns CDs empoeirados no meu armário (shame on me!) e achei um CD muito especial, tão especial que estou ouvindo ele agora mesmo (enquanto faço minhas traduções). O CD é Walking Wounded (1996) , considerado por público e crítica um dos clássicos da banda Everything but the Girl. E eu tive a sorte de assistir este show ao vivo em Utrecht, creio que em 1997 - não me lembro mais a data exata, só sei dizer que foi um dos melhores shows da minha vida!

Engraçado como eu raramente falo de música por aqui, prometo tentar corrigir este erro - mas é que a grande paixão da minha vida é mesmo o cinema...

4 comentários:

CALEXIco. disse...

Beth, este é o disco da vida de muita gente [yours truly included].

Eu nao acredito que vc foi no show...eles nunca mais se apresentaram ao vivo. Eu vi o show deles no Montreux Festival e era um luxo só, a versao de Missing durava 15 minutos.

A Tracey Thorn lançou cd solo este ano. Chama-se Out of the Woods e é lindo.

Beth Blue disse...

não só fui ao show como tenho esta versão-mix de Missing que você comentou aqui em casa. chama-se Missing, the Remix EP e tem nada menos do que quatro versões da faixa. e juro que não estou mentindo, rsrsrs.

Eu não sei, você sabe? disse...

bethinha fui atrás de coisas de banda e descobri que também puvi bastante na década de 80, porém sem apreciar, sem ter o LP, sem ir a shows...bem acho que é porque eles nunca iriam mesmo até Samtos...rs

beijos, suas dicas são sempre boas.

Nando Reis? è bom demais. Quer conhecer uma boa dele? Baixe :
All Star("estranho seria se eu não me apaixonasse por você")
Luz dos OLhos
Relicário
As coisas tão mais lindas.

Mas é que vc está mesmo por fora das coisas que rolam por aqui porque ele é um compositor que é cantado, por muitos intérpretes...

Boa sorte!
TIta

Bebete Indarte disse...

A Tracey e o Ben, são meus "amigos" de My Space...tão fofos...amigos mesmo.
Gosto deles, quando nin'guém tinha disco (vinil) no Brasil - somente na loja Bossa Nova, o DJ Marquinhos MS, já tocava desde 1985...o Éden (primeiro álbum deles), com a maravilhosa Fascination...alguémm em casa?

Saudades do DJ Marquinhos MS, que lançou o EBTG no Brasil, ele tinha os remixes de 12 polegadas (versão p/ DJ's e tocava), e eu ia na cabide pra perguntar o que era.

Tecnologia do Blogger.

Everything but the Girl !

Sessão nostalgia, fui mexer em uns CDs empoeirados no meu armário (shame on me!) e achei um CD muito especial, tão especial que estou ouvindo ele agora mesmo (enquanto faço minhas traduções). O CD é Walking Wounded (1996) , considerado por público e crítica um dos clássicos da banda Everything but the Girl. E eu tive a sorte de assistir este show ao vivo em Utrecht, creio que em 1997 - não me lembro mais a data exata, só sei dizer que foi um dos melhores shows da minha vida!

Engraçado como eu raramente falo de música por aqui, prometo tentar corrigir este erro - mas é que a grande paixão da minha vida é mesmo o cinema...

4 comentários:

CALEXIco. disse...

Beth, este é o disco da vida de muita gente [yours truly included].

Eu nao acredito que vc foi no show...eles nunca mais se apresentaram ao vivo. Eu vi o show deles no Montreux Festival e era um luxo só, a versao de Missing durava 15 minutos.

A Tracey Thorn lançou cd solo este ano. Chama-se Out of the Woods e é lindo.

Beth Blue disse...

não só fui ao show como tenho esta versão-mix de Missing que você comentou aqui em casa. chama-se Missing, the Remix EP e tem nada menos do que quatro versões da faixa. e juro que não estou mentindo, rsrsrs.

Eu não sei, você sabe? disse...

bethinha fui atrás de coisas de banda e descobri que também puvi bastante na década de 80, porém sem apreciar, sem ter o LP, sem ir a shows...bem acho que é porque eles nunca iriam mesmo até Samtos...rs

beijos, suas dicas são sempre boas.

Nando Reis? è bom demais. Quer conhecer uma boa dele? Baixe :
All Star("estranho seria se eu não me apaixonasse por você")
Luz dos OLhos
Relicário
As coisas tão mais lindas.

Mas é que vc está mesmo por fora das coisas que rolam por aqui porque ele é um compositor que é cantado, por muitos intérpretes...

Boa sorte!
TIta

Bebete Indarte disse...

A Tracey e o Ben, são meus "amigos" de My Space...tão fofos...amigos mesmo.
Gosto deles, quando nin'guém tinha disco (vinil) no Brasil - somente na loja Bossa Nova, o DJ Marquinhos MS, já tocava desde 1985...o Éden (primeiro álbum deles), com a maravilhosa Fascination...alguémm em casa?

Saudades do DJ Marquinhos MS, que lançou o EBTG no Brasil, ele tinha os remixes de 12 polegadas (versão p/ DJ's e tocava), e eu ia na cabide pra perguntar o que era.