segunda-feira, janeiro 29, 2007

O dom de ser feliz

Hoje acordei ranzinza (depois de assistir Serendipity ontem à noite, hehehe...) e cá estou eu pensando novamente no dom de ser feliz. Talvez por ser um tema recorrente na minha vida nos últimos anos, talvez simplesmente por eu ser uma daquelas pessoas questionadoras. Ou por ser, digamos assim, uma pessoa complicada.

De qualquer forma, com o passar dos anos percebo cada vez mais que alguns já nasceram com este dom...enquanto outros passam a vida inteira tentando aperfeiçoá-lo - e com alguma sorte e muito treino, até conseguem. Mas até hoje não sei ao certo se é predisposição genética (defeito de fábrica) ou se são as circunstâncias da vida, para alguns mais favoráveis do que para outros. Mais provavelmente, uma combinação dos dois.

Fato é que nem todo mundo sabe ser feliz. Fato também é que é fácil ser feliz quando tudo na vida da gente está no lugar onde deveria estar: trabalho, amigos, família, etc...Sim, é fácil ser feliz quando a vida segue de acordo com nossos planos e expectativas. Mais difícil é quando vemos esses planos serem destruídos, quando somos obrigados a mudar o rumo e desistir de alguns sonhos. Quando somos confrontados com nossos erros e fraquezas. Em suma, nem sempre é fácil ser feliz em períodos de crise e crescimento. E definitivamente, não é fácil ser feliz quando se está no olho do furacão.

Eu vejo a felicidade como um conjunto de fatores. Algumas pessoas conseguem reunir em uma vida vários desses fatores e para elas, ser feliz não chega a ser um dom. Dom mesmo têm aqueles que aguentam firme apesar de tudo, que não desistem de buscar sua felicidade - mesmo que um dia de cada vez.

E eu juro que já escrevi sobre isso antes...

1 comentários:

maria amelia disse...

a felicidade pra mim e uma opcao. se voce quer ser feliz comendo caviar com champagne ou um pao com geleia. se quer teu tanquinho ou aquele cara com aquela barriga enorme, que ronca,fala besteira e nao e nada romantico.a gente precisa ver a felicidade na vida.nao vou falar cliches,mas para mim depois de 8 horas de trabalho cansativo e desgastante, ver bezerros ao longo da estrada e felicidade.um olhar meigo.ouvir o barulho do corte do pimentao.tirar o sapato...se voce e feliz com isso. o resto e so um detalhe. desculpa ai beth se estou horrivel essa semana.deve ser o tempo cinza e a possibilidade de nao melhorar
.so da pra rir

Tecnologia do Blogger.

O dom de ser feliz

Hoje acordei ranzinza (depois de assistir Serendipity ontem à noite, hehehe...) e cá estou eu pensando novamente no dom de ser feliz. Talvez por ser um tema recorrente na minha vida nos últimos anos, talvez simplesmente por eu ser uma daquelas pessoas questionadoras. Ou por ser, digamos assim, uma pessoa complicada.

De qualquer forma, com o passar dos anos percebo cada vez mais que alguns já nasceram com este dom...enquanto outros passam a vida inteira tentando aperfeiçoá-lo - e com alguma sorte e muito treino, até conseguem. Mas até hoje não sei ao certo se é predisposição genética (defeito de fábrica) ou se são as circunstâncias da vida, para alguns mais favoráveis do que para outros. Mais provavelmente, uma combinação dos dois.

Fato é que nem todo mundo sabe ser feliz. Fato também é que é fácil ser feliz quando tudo na vida da gente está no lugar onde deveria estar: trabalho, amigos, família, etc...Sim, é fácil ser feliz quando a vida segue de acordo com nossos planos e expectativas. Mais difícil é quando vemos esses planos serem destruídos, quando somos obrigados a mudar o rumo e desistir de alguns sonhos. Quando somos confrontados com nossos erros e fraquezas. Em suma, nem sempre é fácil ser feliz em períodos de crise e crescimento. E definitivamente, não é fácil ser feliz quando se está no olho do furacão.

Eu vejo a felicidade como um conjunto de fatores. Algumas pessoas conseguem reunir em uma vida vários desses fatores e para elas, ser feliz não chega a ser um dom. Dom mesmo têm aqueles que aguentam firme apesar de tudo, que não desistem de buscar sua felicidade - mesmo que um dia de cada vez.

E eu juro que já escrevi sobre isso antes...

1 comentários:

maria amelia disse...

a felicidade pra mim e uma opcao. se voce quer ser feliz comendo caviar com champagne ou um pao com geleia. se quer teu tanquinho ou aquele cara com aquela barriga enorme, que ronca,fala besteira e nao e nada romantico.a gente precisa ver a felicidade na vida.nao vou falar cliches,mas para mim depois de 8 horas de trabalho cansativo e desgastante, ver bezerros ao longo da estrada e felicidade.um olhar meigo.ouvir o barulho do corte do pimentao.tirar o sapato...se voce e feliz com isso. o resto e so um detalhe. desculpa ai beth se estou horrivel essa semana.deve ser o tempo cinza e a possibilidade de nao melhorar
.so da pra rir