quinta-feira, março 31, 2011

A Primavera


A primavera finalmente resolveu dar o ar da sua graça. E já aviso que é a minha estação do ano favorita. Isso mesmo, não o verão, nem o outono e suas belas paisagens...mas a primavera!

Primavera pra mim é renovação. É hora de levantar, juntar as energias e começar tudo de novo. Como na natureza, depois de um longo e tenebroso inverno, as folhas e flores sempre voltam a brotar (sempre). Assim também nós devemos entender que depois de nossas crises (inevitáveis, em maior ou menor grau), o sol sempre volta a brilhar. E voltamos a sorrir com o coração (mais) leve.

No mais, só sei dizer que tenho tentado não pensar muito (porque pensar muito nunca me ajudou em nada). Que voltei a nadar duas vezes por semana e isso me faz um bem danado! E vou consertar minha bicicleta em breve. E sim, tenho devorado muitos livros. Um atrás do outro, como fazia nos tempos de faculdade. E pra completar meus dias, tenho deixado a  criatividade voar livre e solta e feito muitos scraps (como o cartão acima, que fiz ontem em homenagem à nova estação). Mais no meu outro blog: www.scrapsdabethblue.blogspot.com.

Enfim, a gente vai vivendo da melhor maneira possível (e em alguns dias, sobreviver já é uma grande vitória). Porque nem sempre pode se ter tudo nesta vida então temos de agradecer pelo que temos, em vez de ficar se lamentando pelo que não temos. Pensando bem, com o passar dos anos começo a desconfiar que este é o segredo da felicidade. Ser feliz com o que se tem, com o que se é. Parece simples, mas não é...E assim vamos vivendo, um dia de cada vez.

5 comentários:

Adriana Alencar disse...

Também amo a primavera, quando as flores nascem e faz aquela temperatura gostosa, que nos deixa mais leves, inclusive no espírito. Aproveite bem esse tempo maravilhoso!
Beijo
Adri

Anita disse...

Gosto do simbolo da primavera, de renovacao, promessa de dias melhores e talz. Mas fico ARRASADA com o polen. Abatida, sem forca nenhuma, os olhos queimando e sem conseguir respirar. Geralmente tenho ate febroes. Como ja disse o Cruijff: "Toda vantagem tem sua desvantagem".

Palavras Vagabundas disse...

Boa primavera! Adorei a sapiência de "ser feliz com que se tem".
bjs
Jussara

Bebete Indarte disse...

Exatamente, o segredo da FELICIDADE está na aceitação que 'já temos' tudo. E uma dessas coisas, é uma mente LIVRE pra criar, quer seja 'scrapbookings', trabalhos manuais (eu tricoto no inverno),e queria muito fazer cursos como caligrafia (meu lado vintage total), e adoro 'vitrais', fui ver um curso, mas é bem carinho. Quero transformar o meu sótão, num espaço criativo, pintura/escritos/bichinhos de feltro...o que for. Amo a primavera, renovação total, sol...energia, plantas, flores. dias mais luminosos, rostos mais alegres depois do inverno. A vida é bela (principalmente) na primavera.
Vou colocar nos favoritos seu novo blog. Parabéns!

Pri Sganzerla disse...

Seu trabalho faz bem à minha alma, sabia? Arte é assim: fala à alma da gente!

Quanto ao segredo da felicidade, ando precisando praticar mais, viu... Ô coisa difícil! rs

Bjos!

Tecnologia do Blogger.

A Primavera


A primavera finalmente resolveu dar o ar da sua graça. E já aviso que é a minha estação do ano favorita. Isso mesmo, não o verão, nem o outono e suas belas paisagens...mas a primavera!

Primavera pra mim é renovação. É hora de levantar, juntar as energias e começar tudo de novo. Como na natureza, depois de um longo e tenebroso inverno, as folhas e flores sempre voltam a brotar (sempre). Assim também nós devemos entender que depois de nossas crises (inevitáveis, em maior ou menor grau), o sol sempre volta a brilhar. E voltamos a sorrir com o coração (mais) leve.

No mais, só sei dizer que tenho tentado não pensar muito (porque pensar muito nunca me ajudou em nada). Que voltei a nadar duas vezes por semana e isso me faz um bem danado! E vou consertar minha bicicleta em breve. E sim, tenho devorado muitos livros. Um atrás do outro, como fazia nos tempos de faculdade. E pra completar meus dias, tenho deixado a  criatividade voar livre e solta e feito muitos scraps (como o cartão acima, que fiz ontem em homenagem à nova estação). Mais no meu outro blog: www.scrapsdabethblue.blogspot.com.

Enfim, a gente vai vivendo da melhor maneira possível (e em alguns dias, sobreviver já é uma grande vitória). Porque nem sempre pode se ter tudo nesta vida então temos de agradecer pelo que temos, em vez de ficar se lamentando pelo que não temos. Pensando bem, com o passar dos anos começo a desconfiar que este é o segredo da felicidade. Ser feliz com o que se tem, com o que se é. Parece simples, mas não é...E assim vamos vivendo, um dia de cada vez.

5 comentários:

Adriana Alencar disse...

Também amo a primavera, quando as flores nascem e faz aquela temperatura gostosa, que nos deixa mais leves, inclusive no espírito. Aproveite bem esse tempo maravilhoso!
Beijo
Adri

Anita disse...

Gosto do simbolo da primavera, de renovacao, promessa de dias melhores e talz. Mas fico ARRASADA com o polen. Abatida, sem forca nenhuma, os olhos queimando e sem conseguir respirar. Geralmente tenho ate febroes. Como ja disse o Cruijff: "Toda vantagem tem sua desvantagem".

Palavras Vagabundas disse...

Boa primavera! Adorei a sapiência de "ser feliz com que se tem".
bjs
Jussara

Bebete Indarte disse...

Exatamente, o segredo da FELICIDADE está na aceitação que 'já temos' tudo. E uma dessas coisas, é uma mente LIVRE pra criar, quer seja 'scrapbookings', trabalhos manuais (eu tricoto no inverno),e queria muito fazer cursos como caligrafia (meu lado vintage total), e adoro 'vitrais', fui ver um curso, mas é bem carinho. Quero transformar o meu sótão, num espaço criativo, pintura/escritos/bichinhos de feltro...o que for. Amo a primavera, renovação total, sol...energia, plantas, flores. dias mais luminosos, rostos mais alegres depois do inverno. A vida é bela (principalmente) na primavera.
Vou colocar nos favoritos seu novo blog. Parabéns!

Pri Sganzerla disse...

Seu trabalho faz bem à minha alma, sabia? Arte é assim: fala à alma da gente!

Quanto ao segredo da felicidade, ando precisando praticar mais, viu... Ô coisa difícil! rs

Bjos!