sexta-feira, março 18, 2011

Vai passar



Hoje estou muito triste e por isso não vou escrever nada. Cansei de falar de tristezas, desabafar é bom mas em alguns momentos nem isso ajuda (e hoje certamente é um desses dias). A única garantia que temos nesta vida é de que TUDO passa...mais cedo ou mais tarde mas passa!

Sei também que já venci minhas batalhas e continuo lutando outras. E quero (preciso) acreditar que nada acontece por acaso. Que cada um tem suas lições a serem aprendidas nesta vida.

O importante é nunca desistir de ser feliz - apesar de tudo e apesar de si mesmo. Agora com licença, vou ali lavar a alma e volto quando estiver me sentindo mais leve.

7 comentários:

Glenda disse...

Oi Beth! Bom final de semana para vc! Já pensou em fazer uma viagem para "espairecer"? Nem precisa ser pra muito longe, algo meio sem rumo por alguns dias? Acho que faz bem pra alma. Beijos!

Milena Fischborn disse...

O mais importante é que você já sabe que vai passar, pois a maioria das pessoas não conseguem imaginar que vai passar.
Mas ao invés de ficar só esperando que um dia essa tristeza vá embora sozinha, tente fazer coisas para ajudar a tarefa! Como disse a Glenda, uma viagem, se vc pode se ausentar por alguns dias, ou se fica complicado, um passeio de um dia ou um final de semana. Evite filmes ou comédias deprê. E tente contar com amigos... Aqueles que nos escutam são ótimos, mas bom seria nesse momento aqueles que nos fazem rir!!!
Grande abraço!
Milena
http://viverplenamenteparis.blogspot.com/

Karol Nascimento disse...

Concordo com as meninas. Tente fazer algo que tire você do foco dos problemas.Se não puder ser viajar, faça um programa mais simples, mas fora da rotina.
Espero que vc melhore logo!
Bom final de semana.

Maria Valéria disse...

não sei o que houve, mas se quiser me escrever fique à vontade. força pra vc, que tudo passa. beijos;

Pri Sganzerla disse...

Saber que vai passar não torna a dor do presente menos intensa, mas já é um alento...

Permita-me te passar minha visão.

Claro que cada um tem sua maneira de lidar com as próprias crises. Somos pessoas diferentes! ;-) Mas no meu caso, enquanto eu não encaro a crise de frente e mergulho nela, ela não vai embora de verdade. Se eu fingir que ela não existe, ela só fica lá amordaçada, esperando pra gritar novamente. Viver a crise não é ruim não... Não é negativo ter momentos de baixa, de tristeza. A gente não precisa jogá-los pra baixo do tapete e voltar a usar "cara bonita" antes de estar pronta.

Na crise, por menos que ela seja, a gente cresce. Algo se acomoda dentro da gente quando ela vai embora. Mesmo que não percebamos logo de cara.

E como eu também estou meio em crise, escrevi sobre isso no blog, num texto que será postado mais tarde.

Sou a favor de viver a crise produtiva. E não correr dela. Porque qualquer hora ela explode mesmo...

Fique bem e, precisando, use e abuse do e-mail.

Bjos!

Eve disse...

Já te dei meu abraço virtual!
Agora é relaxar. :)
Fica bem!
Bjs!

Bebete Indarte disse...

A maturidade e experiência ajuda muito a gente nessas horas.
Eu quando estou num dia ruim, digamos, sem inspiração, pensamentos confusos, cansada, e até triste e nem escrever consigo, ou apreciar coisas belas, me concentrar na leitura por exemplo eu simplesmente me fecho. Eu espero o dia passar, o tempo passa, me dou ao direito de sumir, tentar dormir, me afogar em algo banal pra sobreviver. Ai o dia passa, chega o outro, e tudo muda, e assim consigo viver plenamente, abrir a cortina e ver o mundo lá fora e sorrir novamente e me sentir confortável comigo mesma.
Permita-se!

Tecnologia do Blogger.

Vai passar



Hoje estou muito triste e por isso não vou escrever nada. Cansei de falar de tristezas, desabafar é bom mas em alguns momentos nem isso ajuda (e hoje certamente é um desses dias). A única garantia que temos nesta vida é de que TUDO passa...mais cedo ou mais tarde mas passa!

Sei também que já venci minhas batalhas e continuo lutando outras. E quero (preciso) acreditar que nada acontece por acaso. Que cada um tem suas lições a serem aprendidas nesta vida.

O importante é nunca desistir de ser feliz - apesar de tudo e apesar de si mesmo. Agora com licença, vou ali lavar a alma e volto quando estiver me sentindo mais leve.

7 comentários:

Glenda disse...

Oi Beth! Bom final de semana para vc! Já pensou em fazer uma viagem para "espairecer"? Nem precisa ser pra muito longe, algo meio sem rumo por alguns dias? Acho que faz bem pra alma. Beijos!

Milena Fischborn disse...

O mais importante é que você já sabe que vai passar, pois a maioria das pessoas não conseguem imaginar que vai passar.
Mas ao invés de ficar só esperando que um dia essa tristeza vá embora sozinha, tente fazer coisas para ajudar a tarefa! Como disse a Glenda, uma viagem, se vc pode se ausentar por alguns dias, ou se fica complicado, um passeio de um dia ou um final de semana. Evite filmes ou comédias deprê. E tente contar com amigos... Aqueles que nos escutam são ótimos, mas bom seria nesse momento aqueles que nos fazem rir!!!
Grande abraço!
Milena
http://viverplenamenteparis.blogspot.com/

Karol Nascimento disse...

Concordo com as meninas. Tente fazer algo que tire você do foco dos problemas.Se não puder ser viajar, faça um programa mais simples, mas fora da rotina.
Espero que vc melhore logo!
Bom final de semana.

Maria Valéria disse...

não sei o que houve, mas se quiser me escrever fique à vontade. força pra vc, que tudo passa. beijos;

Pri Sganzerla disse...

Saber que vai passar não torna a dor do presente menos intensa, mas já é um alento...

Permita-me te passar minha visão.

Claro que cada um tem sua maneira de lidar com as próprias crises. Somos pessoas diferentes! ;-) Mas no meu caso, enquanto eu não encaro a crise de frente e mergulho nela, ela não vai embora de verdade. Se eu fingir que ela não existe, ela só fica lá amordaçada, esperando pra gritar novamente. Viver a crise não é ruim não... Não é negativo ter momentos de baixa, de tristeza. A gente não precisa jogá-los pra baixo do tapete e voltar a usar "cara bonita" antes de estar pronta.

Na crise, por menos que ela seja, a gente cresce. Algo se acomoda dentro da gente quando ela vai embora. Mesmo que não percebamos logo de cara.

E como eu também estou meio em crise, escrevi sobre isso no blog, num texto que será postado mais tarde.

Sou a favor de viver a crise produtiva. E não correr dela. Porque qualquer hora ela explode mesmo...

Fique bem e, precisando, use e abuse do e-mail.

Bjos!

Eve disse...

Já te dei meu abraço virtual!
Agora é relaxar. :)
Fica bem!
Bjs!

Bebete Indarte disse...

A maturidade e experiência ajuda muito a gente nessas horas.
Eu quando estou num dia ruim, digamos, sem inspiração, pensamentos confusos, cansada, e até triste e nem escrever consigo, ou apreciar coisas belas, me concentrar na leitura por exemplo eu simplesmente me fecho. Eu espero o dia passar, o tempo passa, me dou ao direito de sumir, tentar dormir, me afogar em algo banal pra sobreviver. Ai o dia passa, chega o outro, e tudo muda, e assim consigo viver plenamente, abrir a cortina e ver o mundo lá fora e sorrir novamente e me sentir confortável comigo mesma.
Permita-se!